terça-feira, 15 de outubro de 2019

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Santo Antônio da Platina bate meta antes do encerramento da campanha

Santo Antônio da Platina bate meta antes do encerramento da campanha
Crédito da foto Para Gladys Santoro/Tribuna do Vale
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

A campanha nacional de vacinação contra a gripe H1N1 se encerra oficialmente nesta sexta-feira, 20. Nesta quinta-feira, o Departamento de Vigilância Epidemiológica de Santo Antônio da Platina anunciou que já havia ultrapassado a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde, de imunizar, no mínimo, 80% da população inserida nos grupos considerados de risco. Segundo a diretora do Departamento Tânia Canto Bardal, a meta para Santo Antônio era vacinar 9.449 pessoas. “Até o momento já foram vacinadas 9.531 pessoas, que totalizam 99,14%”, disse.
 
As gestantes foram as que menos procuraram a vacina. Das 440 esperadas, 380 aderiram à campanha, totalizando 86,36% da meta.
 
As crianças de seis meses a menos de cinco anos, totalizaram 87,80% da meta: das 2.697 esperadas, 2.368 foram imunizadas.
 
A meta do MS era vacina4 854 trabalhadores da Saúde de Santo Antônio da Platina, e 893 receberam a dose ultrapassando os 100%.
 
As puérperas também responderam bem ao chamado. A meta era vacinar 72 mulheres em situação de pós parto recente, mas 100 foram imunizadas, totalizando uma cobertura de 138,89%.
 
Os idosos também aderiram bem à campanha. Dos 5.468 aguardados, apareceram 6.708, o que totalizou 104,39% da meta.   
 
H1N1
 
A vacinação contra a Gripe H1N1 no Paraná começou uma semana antes da campanha nacional – 25 de abril, e termina hoje.
 
Em Santo Antônio da Platina, diferente de 2009, quando a cidade enfrentou um surto da doença, até o momento registrou dois casos confirmados: um paciente de Carlópolis que ficou internado no Hospital Nossa Senhora da Saúde, de Santo Antônio da Platina, e uma moradora platinense, de 19 anos, que contraiu a doença em março deste ano, mas somente este mês, o Laboratório Central do Paraná (Lacen), enviou o resultado dos exames dela, que deram positivos. Em ambos os casos, os pacientes passam bem e já foram para casa.
 
A diretora da Epidemiologia, Tânia Bardal disse que a população deve continuar mantendo os hábitos de higiene para evitar o vírus, como lavar as mãos diversas vezes ao dia, usar álcool gel, manter os ambientes abertos e arejados e evitar aglomerações.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Gladys Santoro/Tribuna do Vale

Notícias Relacionadas

Comentar: Santo Antônio da Platina bate meta antes do encerramento da campanha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596