terça-feira, 14 de julho de 2020

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Bombeiros de Jacarezinho fazem testes para a Covid-19

Bombeiros de Jacarezinho fazem testes para a Covid-19
Crédito da foto Para Assessoria FORREST
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Nesta quarta-feira (3), os bombeiros militares lotados no quartel da corporação em Jacarezinho passaram por testes da Covid-19. A testagem foi uma iniciativa da Forrest Brasil Tecnologia, empresa de biotecnologia que recentemente expandiu sua atuação na cidade, inaugurando um laboratório de biologia molecular. A Forrest processou os testes gratuitamente. A coleta das amostras nos militares foi feita pela Prefeitura Municipal de Jacarezinho, por meio da Vigilância Epidemiológica do município.

Os testes foram processados no laboratório da Forrest Brasil com a tecnologia RT-PCR (Real Time – Quantitative Polymerase Chain Reaction). Esse tipo de teste é considerado padrão ouro para a detecção do vírus SARS-CoV-2, o causador da COVID-19 e segue as diretrizes do Laboratório Central do Estado do Paraná – Lacen (laboratório referenciado pelo Ministério da Saúde). O material genético do vírus é pesquisado na amostra coletada dos pacientes em secreções da garganta (orofaringe) e do nariz (nasofaringe).

Ao contrário dos testes rápidos e sorológicos, que possuem uma janela de tempo considerável para serem sensibilizados, o RT-QPCR indica com segurança a presença ou não do vírus na amostra pesquisada. Testes rápidos e sorológicos, quando mal interpretados, podem resultar em falsos negativos, dando uma falsa sensação de segurança no paciente. Já o RT-QPCR indica a presença do vírus mesmo em pacientes assintomáticos, mas que já têm potencial para propagar a doença.

“Estamos disponibilizando a nossa equipe e a estrutura de laboratório da Forrest para contribuir no combate ao novo Coronavírus. Sabemos que uma das ações mais importantes para controlar a proliferação da Covid-19 é testar o maior número possível de pessoas, para que seja possível isolar e tratar de forma adequada pacientes ainda assintomáticos, evitando que contaminem outras pessoas”, destaca a diretora da Forrest Brasil Tecnologia, Elaine Paldi.

Participaram da ação o prefeito de Jacarezinho, Sérgio Eduardo de Farias, a chefe do departamento de Vigilância Sanitária do município, Suelene Manfré, e o empresário Marcelo Palhares. Na oportunidade foram disponibilizados 18 testes para o efetivo do Corpo de Bombeiros de Jacarezinho, que devem ficar prontos em 48h.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Assessoria FORREST

Notícias Relacionadas

Comentar: Bombeiros de Jacarezinho fazem testes para a Covid-19

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596