sexta-feira, 30 de julho de 2021

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Jacarezinho: Secretário explica licitação do Coffe Break

Jacarezinho: Secretário explica licitação do Coffe Break
Crédito da foto Para Marcos Junior
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

O Blog do Marcos conversou na noite de sexta-feira, 25, (depois das 19h50) com o Secretário Municipal de Indústria e Comércio Homero Pavan que explicou o Pregão Presencial 039/2018 que tem o recurso de R$ 186 mil.

Na tarde desta sexta-feira o Blog recebeu por mensagem a informação sobre o Processo Licitatório. A reportagem tentou contato por duas vezes com o Prefeito Sérgio Eduardo próximo das 17 horas, mas o celular não foi atendido.

Em seguida uma Nota do Secretário Homero Pavan:

É importante esclarecer que Coffee-Break (lanches) é utilizado pra professor, alunos, população em geral que participa de Conselhos, Comitês, palestras, feiras, eventos, serviços de convivência.

Em algumas campanhas de vacinação,  combate à dengue, casamentos comunitários, cursos do Centro da Juventude, também é oferecido um lanche pros participantes. Em viagens de pacientes da Saúde, enfim, são várias formas de utilização.

Essa licitação, em específico, é para registro de preços, ou Ata de Registro de Preços. A diferença é que não se trata de uma compra direta, serão comprados itens conforme a necessidade, no limite máximo previsto no edital, ou seja, os R$ 186 mil.

Apenas duas secretarias, Saúde e Assistência Social, estão participando com quase R$ 150 mil. O restante é distribuído entre as demais secretarias e Corpo de Bombeiros. A Assistência Social, por exemplo, recebe recursos do Estado e da União pra essa finalidade. Ou usamos, ou devolvemos. Que tal?

No total, são seis secretarias e mais Corpo de Bombeiros e Tiro-de-Guerra que estão participando da Ata de Registro de Preços.

Como estamos desenvolvendo um trabalho de Compras Públicas, em parceria com Sebrae, Comitê Gestor de Desenvolvimento Empresarial e Prefeitura, decidimos juntar as licitações, razão pela qual o número expressivo de R$ 186 mil foi totalizado.

Na licitação, esse valor poderá diminuir bastante, devido à competição entre as empresas. Os itens serão adquiridos no período de um ano, ou doze meses. Dividindo-se o valor chegaríamos a algo em torno de R$ 10 a 12 mil mensais. Francamente…

Esse texto não tem a finalidade de esgotar o assunto, quem desejar mais informações pode comparecer ao departamento de Compras e Licitações na Prefeitura. O procedimento licitatório não é secreto, pelo contrário, quanto mais divulgação e mais participantes, certamente teremos menores preços.

Fica aqui a resposta aos autores do panfleto apócrifo, covarde e desinformado, e especialmente aos cidadãos jacarezinhenses.

Grande abraço,

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Marcos Junior

Notícias Relacionadas

Comentar: Jacarezinho: Secretário explica licitação do Coffe Break

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596