terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Mulher faz B.O e diz ter comprado linguiça recheada de maconha

Mulher faz B.O e diz ter comprado linguiça recheada de maconha
Crédito da foto Para : Divulgação / 1ª SDP de Paranaguá )
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Uma família de Paranaguá, no litoral do Paraná, se surpreendeu ao fazer um churrasco no Feriado de Tiradentes, comemorado na terça-feira (21). Segundo o delegado Nilson Santos Diniz, uma das moradoras da casa afirmou ter comprado uma linguiça recheada de maconha em um supermercado da região.
“Ela só percebeu a substância quando colocou a linguiça, tipo toscana, para assar. Ela contou que o cheiro exalou pela casa toda e chamou a atenção de quem participava do churrasco”, conta Diniz.
A mulher procurou a delegacia para fazer a denúncia e registrar um Boletim de Ocorrência (B.O). O produto foi apreendido pela polícia na manhã de terça-feira (22) e será encaminhado para uma perícia.
“Nós ainda não temos a confirmação de que a substância se trata mesmo de maconha. Temos que aguardar a conclusão da perícia”, explica o delegado. “Se for constatado que, de fato, é maconha, seria uma conduta prevista na lei de drogas. Se não for maconha, se for qualquer outro tipo de substância, poderia caracterizar um crime contra relação de consumo”, argumentou o delegado.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Adriana Justi

Notícias Relacionadas

Comentar: Mulher faz B.O e diz ter comprado linguiça recheada de maconha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125