domingo, 29 de Março de 2020

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Noctúria atrapalha sono e a qualidade de vida

Noctúria atrapalha sono e a qualidade de vida
Crédito da foto Para imagem ilustrativa google imagens
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

A qualidade do sono noturno é fundamental para a qualidade de vida. Problemas de sono constituem uma epidemia global que ameaça a saúde e qualidade de vida para até 45% da população mundial. Apesar deste problema generalizado, grande parte do público em geral pode estar ignorando os sintomas chave para perturbação do sono — com a noctúria sendo a causa mais comum para uma interrupção do sono noturo.

A noctúria pode ser causada por uma produção excessiva de urina à noite ou uma produção excessiva de urina durante o dia e a noite, que leva a ter que se levantar à noite para ir ao banheiro e esvaziar a bexiga.

Antonella Giannantoni, editor da Nocturia Resource Centre, afirma que apesar da pesquisa mostrar claramente que a noctúria é a causa mais comum de perturbação do sono, muitas pessoas ainda ignoram a obviedade quando se trata de uma interrupção do sono noturno. É tempo das pessoas se despertarem para a noctúria.”

Esta perturbação contínua tem um impacto negativo significativo em nossa saúde a curto e longo prazo 7,8,9,10 e também pode ser um sintoma de sérios problemas de saúde como: diabete, alta pressão sanguínea ou enfermidade cardiovascular.

A noctúria não está apenas isolada em um dado demográfico particular: até 60% de mulheres e homens idosos apresentam sintomas de nocturia, mas pode afetar todas as idades em 30% das pessoas com mais de 30 anos que vão pelo menos duas vezes ao banheiro para urinar a cada noite.

Ao ignorar sinais simples como estes, as pessoas estão negligenciando um problemas que apenas irá piorar ao longo do tempo e continuar tendo um impacto negativo na qualidade de vida e saúde.

“A noctúria é um sério problema que não deve ser ignorado pelas pessoas”, disse Said Philip van Kerrebroeck, editor do Nocturia Resource Centre. “Ela pode afetar qualquer pessoa, independente de idade ou sexo, mas a boa notícia é que tem tratamento.”


VEJA MITOS E VERDADES SOBRE O SONO

Mito 1 — Podemos nos “enganar” sobre a quantidade de sono que estamos tendo
Verdade: Uma crença comum é que podemos recuperar o atraso em horas perdidas durante a semana ao dormir algumas horas extras no fim de semana. A pesquisa tem mostrado que uma longa noite de sono após um período prolongado de diminuição do sono pode restaurar nosso desempenho de volta aos níveis normais. Entretanto, este efeito pode durar em torno de 6 horas após despertar. À medida que o tempo passa, o tempo de reação da pessoa se torna cerca de 10 vezes mais lento que aquele que foi no início do dia, aumentando o risco de acidentes e erros

Mito 2 — A insônia é caracterizada apenas pela dificuldade em dormir
Verdade: A dificuldade em dormir é um dos quatro sintomas geralmente associados à insônia. Os outros incluem acordar cedo demais e não ser capaz de voltar a dormir, despertar frequentemente e acordar nos sentindo revigorado. A insônia pode ser um sintoma de um transtorno do sono ou outro problema médico ou psicológico/psiquiátrico, podendo muitas vezes ser tratado

Mito 3 — Quanto mais velhas as pessoas, menos horas de sono necessitam
Verdade: Enquanto os padrões de sono mudam à medida que envelhecemos, a quantidade de sono que necessitamos geralmente não muda. Pessoas mais velhas podem despertar com mais frequência durante a noite e podem realmente ter menos tempo de sono noturno, mas sua necessidade de sono não é menor que os mais jovens. Devido poderem dormir menos durante a noite, pessoas mais velhas tendem a dormir mais durante o dia, o que pode afetar sua qualidade de vida

Mito 4 — Beber menos água durante o dia irá diminuir o tempo das pessoas em ir de noite ao banheiro
Verdade: Beber água suficiente todo o dia é crucial para evitar infecção e manter o corpo hidratado. Beber menos diuréticos, como café ou chá, bem como limitar a ingestão de líquidos antes de dormir, irá ajudar a diminuir a vontade de ir ao banheiro

Mito 5 — Ir ao banheiro à noite não é um problema até que pessoa tenha que ir mais de três vezes
Verdade: Ir ao banheiro uma ou mais vezes por noite regularmente pode ser enfadonho e é uma condição chamada noctúria


SINTOMA MOSTRA A DISFUNÇÃO
A noctúria pode ser causada por uma produção excessiva de urina à noite ou uma produção excessiva de urina durante o dia e a noite, que leva à necessidade de se levantar à noite para ir ao banheiro. Esta é muitas vezes explicada por um ritmo anormal do corpo, onde grandes volumes de urina são excretados durante o sono.

Ela também pode ser causada por fatores externos como: líquidos em excesso antes de dormir, remédios, álcool, cafeína ou medicamentos diuréticos; em casos raros, também poderia ser um sintoma de algo mais sério como: diabete, alta pressão sanguínea ou doença cardiovascular.

A interrupção do sono noturno causada por idas ao banheiro também leva a muitos efeitos na saúde a curto e longo prazo. A curto prazo, perda de sono pode ter um impacto negativo em nossa capacidade de atenção, recuperação da memória e aprendizagem.

Efeitos de prazo maior estão sendo estudados, mas o sono de pouca qualidade ou privação do sono tem sido associados à problemas significativos de saúde, como obesidade, diabete, sistema imunológico debitado e ainda alguns tipos de câncer. Perda de sono também é relacionada a muitas condições psicológicas como depressão, ansiedade e psicose.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Bem Paraná

Notícias Relacionadas

Comentar: Noctúria atrapalha sono e a qualidade de vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596