quarta-feira, 1 de Abril de 2020

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Brinquedos educativos podem custar até 50% menos

Brinquedos educativos podem custar até 50% menos
Crédito da foto Para imagem ilustrativa google imagens
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Brinquedos educativos são sempre uma boa opção para as crianças no Natal. Com muita variedade de escolha, desde as clássicas peças para encaixe a brinquedos criados para desenvolver a cognição e a motricidade. Não é à toa que cada vez mais os pais e crianças se encantam com as opções que existem no mercado.

Além disso, eles podem custar até 50% mais baratos que os brinquedos de marca, segundo a empresária Carla Mattedi, proprietária da loja de brinquedos educativos Divertivida, em Curitiba.

Os brinquedos educativos, assim como os demais, devem ser escolhidos de acordo com a idade da criança, a partir de zero ano de idade. “Eles desempenham papel importante no desenvolvimento das crianças independentemente da idade”, diz Carla. Além da segurança da criança que, se muito pequena pode engolir peças de brinquedos, a escolha certa torna o brincar mais divertido.

Aos pais fica a responsabilidade de observar a capacidade de compreensão de cada criança, pois caso o brinquedo ou brincadeira seja complexo ou simples demais, será rapidamente deixado de lado. “Os adultos precisam ter a consciência de que as crianças têm o tempo certo para cada brincadeira”, disse a educadora.

Segundo a empresária, os estímulos gerados por este tipo de brinquedo contribuem para a assimilação mais rápida de informações, tornando a aquisição de conhecimento mais lúdica e divertida. Eles estimulam ainda habilidades específicas como a competitividade e a criatividade e proporcionam o desenvolvimento da coordenação motora.

Benefícios — Estudos apontam que os brinquedos educativos melhoram a sociabilidade da criança e sua capacidade de interação, além de promover o senso de colaboração e estimular o relacionamento com outros colegas e amigos, facilitando a formação de novas amizades.

Os brinquedos educativos também colaboram com o aprendizado de alguns valores sociais importantes para a formação pessoal da criança, como o respeito ao próximo e às regras. Estimulam ainda a atenção, a concentração e os movimentos, despertam a imaginação e a fantasia e aumentam a memória, segundo os especialistas. A autoestima e a autoconfiança também são alguns dos muitos benefícios desses brinquedos.


COMO ESCOLHER BRINQUEDOS EDUCATIVOS PARA CADA IDADE

De 0 a 2 anos
Brinquedos com peças coloridas e brinquedos sonoros para estimular a percepção visual e auditiva são ótimos. Peças de encaixe auxiliam na associação de formas e na coordenação motora, assim como os carrinhos. Brinquedos com textura (macio, áspero, liso, rústico) desenvolvem o tato e fantoches estimulam a atenção, criatividade e concentração.

De 2 a 4 anos
Desenhos trabalham a imaginação, coordenação motora fina e firmeza nas mãos, que no futuro virão a favorecer a caligrafia. Blocos de encaixe aprimoram a coordenação motora, conhecimento de tamanhos e cores. Os quebra-cabeças ajudam na concentração e raciocínio espacial, mas nessa idade, não devem conter muitas peças. Os progressivos são interessantes.

De 4 a 6 anos
A clássica brincadeira de amarelinha, que trabalha números, equilíbrio, coordenação motora ampla e conceito de regras, pode ser interessante para crianças nessa faixa etária. Areia, argila e massinhas, trabalham o desenvolvimento tátil. Pular corda, além de ser um ótimo exercício aeróbico, melhora o equilíbrio e a movimentação física.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Bem Paraná

Notícias Relacionadas

Comentar: Brinquedos educativos podem custar até 50% menos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596