segunda-feira, 9 de dezembro de 2019

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Nas escolas estaduais, ano letivo pode terminar só depois do Natal

Nas escolas estaduais, ano letivo pode terminar só depois do Natal
Crédito da foto Para Imagem Ilustrativa google imagens
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Previsto inicialmente para acabar na próxima quarta-feira, dia 20, o ano letivo de 2017 pode se estender até depois do Natal nos colégios estaduais. É que para conseguir cumprir os 200 dias letivos e 800 horas/aula previstas pela Lei de Diretrizes e Bases (LDB), as unidades que não cumpriram integralmente o calendário terão que atender os alunos nos dias 21, 22 e 26 a 29 de dezembro.
A medida, prevista na Resolução nº 6418/2017, publicada no último dia 11 pela Secretaria Estadual de Educação (Seed), visa repor as paralisações dos dias 17 e 16 de março, 30 de junho e 30 de agosto deste ano. Além disso, na última quarta-feira a secretaria encaminhou aos 32 núcleos educacionais uma orientação reforçando a medida.
“É imprescindível que todas as instituições de ensino, em qualquer modalidade, cumpram a legislação e as normas educacionais em sua totalidade, inclusive quanto à duração do ano letivo em dias e horas. É mister enfatizar que esse cumprimento é um direito dos alunos”, diz trecho da orientação encaminhada às regionais.
Em nota encaminhada ao Bem Paraná, a Seed ainda ressalta que o recesso de final de ano não se aplica às unidades que eventualmente não tenham cumprido o calendário integralmente, conforme determina a LDB.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Bem Paraná

Notícias Relacionadas

Comentar: Nas escolas estaduais, ano letivo pode terminar só depois do Natal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596