terça-feira, 13 de novembro de 2018

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Atlético leva susto no tempo normal, mas bate Bahia nos pênaltis e avança à semi da Sul-Americana

Atlético leva susto no tempo normal, mas bate Bahia nos pênaltis e avança à semi da Sul-Americana
Crédito da foto Para Atlético derrotou o Bahia nos pênaltis e avançou às semifinais da competição (Geraldo Bubniak/AGB/Estadão Conteúdo)
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Foi um teste para cardíaco, mas o Atlético está entre os quatro melhores da Sul-Americana. Em uma noite pouco inspirada, o time foi derrotado no tempo normal pelo Bahia, por 1 a 0, nesta quarta-feira (31), na Arena da Baixada,  mas conseguiu a vitória nos pênaltis e garantiu a ida à semifinal da competição pela segunda vez na história.

O Furacão tinha a vantagem de ter vencido o jogo de ida, por 1 a 0, em Salvador. Mas a noite não foi das melhores para o time paranaense. Esbarrando no nervosismo, a equipe do técnico Tiago Nunes encontrou dificuldades diante de um pouco efetivo Tricolor de Aço, que encontrou a vitória com um gol no final do primeiro tempo. Com muita tensão, a classificação foi garantida nas penalidades, por 4 a 1, para retornar após 12 anos às semi.

 Agora, vai encarar o Fluminense na semifinal da Copa Sul-Americana. O jogo de ida acontece na próxima quarta-feira (07), na Arena da Baixada, enquanto a volta será no dia 28 de novembro,no Rio de Janeiro.

O jogo

O Bahia tentou avançar a marcação para pressionar a saída de bola do Atlético, mas viu o adversário exercer com tranquilidade a característica e ter maior posse de bola no primeiro tempo. Precisando sair para o jogo, o time baiano teve dificuldades para criar chances, mas chegou a dar um susto com gol de Zé Rafael, aos 17 minutos, que não foi validado pela arbitragem.

Com a bola nos pés e superior, o Furacão teve oportunidade de abrir o placar em duas chegadas com Raphael Veiga, mas as duas finalizações foram para fora. Melhor para o Tricolor de Aço, que conseguiu encontrar o gol nos minutos finais da etapa inicial, Aos 46, Léo cobrou lateral na área, Nilton desviou e o zagueiro Douglas Grolli completou para o fundo das redes.

Assim como nos primeiros 45 minutos, o Rubro-Negro seguiu melhor no segundo tempo, mas esbarrou no nervosismo para alcançar o gol de empate. O técnico Tiago Nunes mexeu no time, colocou Bruno Guimarães e Rony para deixar o time mais ofensivo. Aos 15, Pablo deu passe para Renan Lodi, que tentou o chute cruzado e mandou para fora. Pouco depois, aos 18, Veiga arriscou de fora da área e o goleiro Douglas segurou.

A dificuldade em criar chances persistiu e somente o Atlético conseguiu esboçar uma chance de perigo. Aos 41, Pablo tentou chute forte e a bola passou perto da trave. Foi só. Com o duelo empatado no agregado, a decisão da vaga na semifinal foi para os pênaltis.

Vaga decidida nas penalidades

A série foi aberta do jeito que o Furacão queria, com o lateral-direito Jonathan convertendo a primeira cobrança e o goleiro Santos defendendo a batida de Vinícius. A vantagem foi ampliada com Raphael Veiga, que cobrou muito bem, no alto, sem chances para Douglas, e contando uma ‘ajuda’ de Zé Rafael, que isolou a segunda chance do Tricolor. O Rubro-Negro manteve os 100% com Lucho González, o Esquadrão de Aço fez o primeiro com Edigar Junio, mas o artilheiro Pablo marcou o gol da classificação atleticana para as semifinais.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO (4) 0X1 (1) BAHIA

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (BRA).
Data: Quarta-feira, 31 de outubro de 2018.
Horário: 21h45.
Árbitro: Diego Haro (PER).
Assistentes: Jonny Bossio (PER) e Coty Carrera (PER).
Árbitro de vídeo: 
Jesús Valenzuela (VEN).
Assistentes de vídeo: 
Alexis Herrera (VEN) e Juan Belatti (VEN).
Público e renda: 21.877 total | R$ 596.160,00

Atlético: Santos; Jonathan, Paulo André, Léo Pereira e Renan Lodi; Wellington (Bruno Guimarães), Lucho González e Raphael Veiga; Nikão (Bergson), Marcelo Cirino (Rony) e Pablo.
Técnico: Tiago Nunes.

Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Douglas Grolli, Lucas Fonseca e Léo; Flávio, Elton (Gregore), Nilton, Élber (Vinícius) e Zé Rafael; Júnior Brumado (Edigar Junio).
Técnico: Enderson Moreira.

Gol: Douglas Grolli (BAH) aos 46′ do segundo tempo.
Cartões amarelos: Renan Lodi e Bruno Guimarães (CAP); Léo, Élber, Vinícius e Zé Rafael (BAH).

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Guilherme Coimbra

Notícias Relacionadas

Comentar: Atlético leva susto no tempo normal, mas bate Bahia nos pênaltis e avança à semi da Sul-Americana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596