segunda-feira, 18 de Fevereiro de 2019

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Coritiba leva a melhor em ‘clássico polêmico’ e vence o Athletico na Baixada

Coritiba leva a melhor em ‘clássico polêmico’ e vence o Athletico na Baixada
Crédito da foto Para Banda B
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Coritiba derrotou o Athletico no clássico na Arena da Baixada (Geraldo Bubniak/AGB)Mesmo que silenciosa e sem a presença da torcida, a festa foi alviverde na Arena da Baixada. No clássico das polêmicas dentro e fora de campo, o Coritiba levou a melhor sobre o Athletico e venceu por 2 a 1, na noite desta quarta-feira (30), na casa do arquirrival, em duelo válido pela quarta rodada da Taça Barcímio Sicupira Júnior.

Depois de iniciar quente nos bastidores, dentro de campo o jogo teve todos os ingredientes de um grande confronto. Teve provocação dos visitantes com frases na camisas em alusão à torcida única, expulsão no primeiro tempo e três gols. Melhor para o Verdão, que saiu vitorioso, com gols de Igor Jesus e Iago Dias, ambos na primeira etapa. O Rubro-Negro ainda descontou com Bergson, de pênalti, no segundo tempo, mas não conseguiu evitar um novo revés no estadual.

O Coxa volta a campo no próximo sábado (02), às 20h, diante do Londrina, no Couto Pereira. Já o Furacão tem mais um clássico pela frente, no domingo (03), diante do Paraná, às 17h, na Vila Capanema.

O jogo

Jogando diante de sua torcida, o Athletico começou o jogo mantendo a posse de bola e tentando tomar a iniciativa de pressionar o Coritiba. Mas o que o time da casa encontrou pela frente foi um adversário seguro na marcação e cirúrgico no ataque. Nas duas primeiras chegadas na frente, dois gols. Aos 16 minutos, Sávio cobrou escanteio na área e encontrou o garoto Igor Jesus sem marcação para cabecear no fundo das redes e abrir o placar. Pouco depois, aos 21, Jesus fez o pivô e deixou Iago Dias na boa para soltar a bomba no canto de Léo e ampliar: 2 a 0.

Com vantagem no placar, o Coxa terminou o primeiro tempo em desvantagem numérica. Aos 26 minutos, João Vitor deu uma entrada dura em Marquinho no meio-campo e recebeu o cartão vermelho direto. Com um a mais, o Furacão tentou esboçar uma reação antes do intervalo, mas parou em duas grandes defesas de Wilson.

Apático na etapa inicial, o Athletico voltou melhor no segundo tempo e passou a forçar com que o Coritiba se retraísse no campo defesa. A pressão surtiu efeito aos 19 minutos, quando Anderson Plata tentou cruzamento da direita e a bola resvalou no braço de Iago Dias. O árbitro Leonardo Sigari Zanon marcou pênalti, que Bergson cobrou no canto esquerdo e descontou o placar.

O Verdão tentou uma resposta rápida ao gol rubro-negro e por pouco não aumentou no lance seguinte, em chute de Kady que esbarrou na defesa. Depois disso só deu Furacão. O técnico Rafael Guanaes promoveu as entradas de Bruno Leite e Bill e montou uma formação com cinco atacantes.

E por pouco a postura ofensiva não deu ao Athletico o empate. Aos 41 minutos, Bill tentou de cabeça e tirou tinta da trave de Wilson. Nos acréscimos, Bergson e Plata também arriscaram da entrada da área e mandaram perto do gol, não conseguindo evitar a derrota.

Com o resultado, o time do técnico Argel Fucks conquistou a segunda vitória e foi aos oito pontos no Campeonato Paranaense. Já o Rubro-Negro amargou seu segundo revés, mais um dentro da Arena, e segue com quatro pontos.

FICHA TÉCNICA
ATHLETICO 1X2 CORITIBA

Local: Arena da Baixada.
Data: Quarta-feira, 30 de janeiro de 2019.
Horário: 21h30.
Árbitro: Leonardo Sigari Zanon (PR).
Assistentes: Felipe Gustavo Schmidt (PR) e Heitor Alex Eurich (PR).
Público e renda: 9.616 total | R$ 227.850,00

Athletico: Léo; Reginaldo (Bruno Rodrigues), Robson Bambu, Eder e Nicolas; Erick (Bill), Marquinho (Bruno Leite) e Matheus Anjos; João Pedro, Anderson Plata e Bergson.
Técnico: Rafael Guanaes.

Coritiba: Wilson; Sávio (Geovane), Sabino, Alan Costa e Fabiano; João Vitor, Vitor Carvalho, Giovanni (Matheus Bueno) e Kady; Iago Dias e Igor Jesus (Nathan).
Técnico: Argel Fucks.

Gols: Igor Jesus aos 16′ e Iago Dias (CFC) aos 21′ do primeiro tempo; Bergson (CAP) [de pênalti] aos .
Cartões amarelos: Éder (CAP); João Vitor, Iago Dias e Igor Jesus (CFC).
Cartão vermelho: João Vitor (CFC).

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Guilherme Coimbra

Notícias Relacionadas

Comentar: Coritiba leva a melhor em ‘clássico polêmico’ e vence o Athletico na Baixada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596