quinta-feira, 20 de setembro de 2018

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Apaixonado pelo frio desde a infância, curitibano mantém estação meteorológica no quintal

Apaixonado pelo frio desde a infância, curitibano mantém estação meteorológica no quintal
Crédito da foto Para (Fotos: Arquivo Pessoal)
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

O quintal da casa de Rodrigo Sguario, de 40 anos, morador no bairro Ahú, em Curitiba, é certamente único. Ele tem uma estação meteorológica própria, que na manhã de quarta-feira registrou 1,3°C ao amanhecer. Apaixonado pela previsão do tempo, especialmente o frio, Sguario tem isso como um hobby, que começou na infância.

“Eu passava as férias em Campos do Jordão (SP), porque a minha avó era de lá e me apaixonei pelo clima peculiar da cidade, devido a sua altitude e frio. Assim, surgiu o meu hobby. Quando tinha 12 anos, por exemplo, eu assinava o jornal Tribuna de Santos, só porque ele trazia mapas detalhados do tempo. Assim fui me interessando mais sobre o tema”, descreveu em entrevista à imprensa.

Rodrigo trabalha como designer na Assembléia Legislativa do Paraná e nas horas vagas debate questões relacionadas à meteorologia. “No começo da internet, tinha muitas previsões prontas e eu queria ir além. Comecei a pesquisar e achei o Fórum Brasil Abaixo de Zero, em 2002, e agora estamos com um grupo de WhatsApp, com meteorologistas e tudo mais. Ali, compartilhamos informações valiosas sobre o tempo”, disse.

E foi desta paixão que Rodrigo adquiriu uma estação meteorológica e instalou no quintal de casa no bairro Ahú. Lá, acompanha a temperatura na capital minuto a minuto. “Além da minha residência, neste nosso grupo, há uma estação no Orleans, onde a temperatura registrada foi de -0,7°C. Nós acompanhamos e percebemos estas mudanças que acontecem entre os bairros da capital, devido ao relevo e tamanho da cidade”, destacou Rodrigo, que falou ainda sobre sua paixão pelo inverno. “São dias mais inusitados, temperaturas mais baixas, que não são corriqueiras. Então é muito bacana acompanhar isso, despertando um encantamento em todos”, apontou.

Para finalizar, o curitibano relembrou o dia mais emocionante de seus 40 anos de ‘história meteorológica’. “Eu nasci em 1977 e perdi a neve de 1975 em Curitiba. Mas vi a de 2013, que foi muito emocionante. Houve a perspectiva de neve aqui e começou a nevar em Guarapuava, União da Vitória e na Lapa, quando pela manhã, mesmo que em pequena quantidade, vimos a neve em Curitiba”, lembrou.

Para acompanhar a temperatura de momento na estação de Rodrigo no Ahú e do amigo dele, no Orleans, acesse os dois link:

Ahú

Orleans

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Luiz Henrique de Oliveira

Notícias Relacionadas

Comentar: Apaixonado pelo frio desde a infância, curitibano mantém estação meteorológica no quintal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125