terça-feira, 17 de outubro de 2017

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Cambará terá terceira e última etapa da vacinação contra dengue este mês

Cambará terá terceira e última etapa da vacinação contra dengue este mês
Crédito da foto Para Imagem Ilustrativa google imagens
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Quem já tomou as duas primeiras doses da vacina contra a dengue fechará o ciclo ainda este mês com a terceira e última dose. A Campanha, que só acontece em poucas cidades do Estado, tem início no dia 20 deste mês e vai até o dia 27 de outubro e é destinada à faixa etária dos 15 aos 27 anos. Só poderá se imunizar quem tomou a vacina pelo menos uma vez.

Segundo o chefe da Divisão da Vigilância em Saúde da 19ª Regional de Saúde com sede em Jacarezinho, Ronaldo Trevisan, quem tomar a segunda dose nesta etapa, terá direito à terceira daqui a seis meses. “Para ter o efeito desejado, essa vacina deve ser tomada em três etapas, em um período de seis meses cada. A pessoa que tomou duas vezes vai concluir o ciclo na campanha que começa este mês. Quem tomou uma vez só, deve tomar segunda agora e a terceira dose será dada em seis meses. Porém, quem não tomou nenhuma dose, agora não poderá mais”, explicou.

Pelas estimativas da Regional, terão direito a tomar a vacina agora 3.747 pessoas. “Infelizmente, é um número baixo de pessoas beneficiadas, mas a vacinação nessa faixa etária não é bem aceita, o que é uma pena, porque na rede privada, ela custa cerca de R$ 400 cada dose”, comentou.

Para Trevisan, é mais fácil conseguir a adesão de crianças, por meio de seus pais, e dos idosos, a qualquer tipo de vacinação do que a dos jovens. “Não tínhamos experiência específica com essa faixa etária, mas estamos vendo que há resistência também com a vacina do HPV, que também visa o público jovem”, explicou.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Gladys Santoro - Tribuna do Vale

Notícias Relacionadas

Comentar: Cambará terá terceira e última etapa da vacinação contra dengue este mês

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125