Thursday, 28 de January de 2021

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Ex-marido é suspeito de matar mulher dentro de casa e sumir com as filhas pequenas

Ex-marido é suspeito de matar mulher dentro de casa e sumir com as filhas pequenas
Photo Credit To Arquivo família/Banda B
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Uma mulher de 45 anos foi morta a facadas dentro de casa na noite de quarta-feira (24) em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. Arabel Simone Oliveira Freitas Martins foi encontrada caída na sala de casa por um vizinho que suspeitou do crime após uma carona. O ex-marido é o principal suspeito da morte. As duas filhas do casal, de 5 e 6 anos, estão desaparecidas e a família está desesperada por informações do paradeiro das crianças. O suspeito, com as filhas,  pediu carona ao vizinho após matar a ex-mulher.

arabel-2

O crime aconteceu na rua Fioravante Zocolotti, no Jardim Itália, por volta das 22h30. Um vizinho teria desconfiado após dar carona para o pai e as meninas. Assim que voltou, foi até a casa da vítima e a encontrou caída, coberta de sangue, no chão da sala. A Polícia Militar (PM) foi acionada e pediu apoio ao Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate), do Corpo de Bombeiros, mas Arabel já estava morta.

Segundo informações de amigos da família, a mulher teve duas filhas nesse relacionamento, que durou cerca de sete anos. Por causa de brigas constantes, segundo a família, Arabel pediu a separação e também uma medida protetiva contra o ex-companheiro, que tinha comportamento violento. As ameaças teriam se intensificado quando ela passou a se relacionar com outra pessoa.

Na noite de ontem, o homem teria esperado a mulher voltar do trabalho com as duas garotas. Não há informações se houve brigas, discussões, ou o homem a golpeou de surpresa. Um vizinho da vítima contou aos policiais que o ex-marido pediu carona a ele, junto com as meninas. Ele desconfiou, segundo depoimento, quando a garota mais velha contou que a mãe tinha ficado em casa, dormindo na sala. A testemunha contou que ele pediu carona até a Colônia Rio Grande. De lá, retornou para o Jardim Itália e encontrou Arabel morta.

O ex-marido já foi identificado e, segundo familiares, é um homem extremamente violento e vícios de álcool e drogas.

Desespero

A família está desesperada com o sumiço das meninas. A irmã mais velha, filha de Arabel, divulgou foto das meninas na tentativa de localizá-las. “Minhas princesas amo muito vocês, se Deus quiser nada vai acontecer com vocês”, escreveu na rede social Facebook. A Polícia Militar (PM) faz buscas em São José do Pinhais e região para localizar o suspeito e as duas meninas.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Post source : Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo

Related posts

Comentar: Ex-marido é suspeito de matar mulher dentro de casa e sumir com as filhas pequenas

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

WhatsApp 596