Tuesday, 26 de January de 2021

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Ex-mulher é presa suspeita de envenenar marido com remédios, diz delegado

Ex-mulher é presa suspeita de envenenar marido com remédios, diz delegado
Photo Credit To (Foto: Reprodução Facebook)
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

A Polícia Civil de Ponta Grossa prendeu provisoriamente na manhã de terça-feira (06) Josiane Camargo da Silva, de 29 anos, suspeita de atear fogo no ex-marido em Ponta Grossa, nos Campos Gerais. Segundo o Portal A Rede, Josiane é investigada como uma das possíveis suspeitas da morte de Emerson Liz da Silva, que faleceu após ter 60% do corpo queimado em um incêndio.

mulher

(Foto: Reprodução Facebook)

No último dia 23, no Jardim Bela Vista, a casa de Josiane foi incendiada e ela acusou, em entrevista para os repórteres do Jornal da Manhã, o ex-marido de cometer o crime. O homem teve de ser transferido para receber atendimento médico em Londrina após ter 60% do corpo queimado. Na manhã deste domingo (04), já no hospital, ele faleceu por causa dos ferimentos.

De acordo com informações do delegado do 2º Distrito Policial de Ponta Grossa, Marcus Sebastião, já existem dois inquéritos policiais que investigam tentativas de homicídio de Josiane contra Emerson.

“Um dos casos aconteceu em fevereiro de 2015 e o outro em abril. Ele acusava a mulher de colocar medicamentos no café e injetar nele insulina, toxicológicos e outras substâncias”, explica o delegado Marcus. Na primeira tentativa, Emerson ficou internado na UTI da Santa Casa de Misericórdia por nove dias. No segundo caso, ele ficou 21 dias internado.

A prisão temporária de Josiane, por um período inicial de cinco dias, foi pedida por causa das duas tentativas de homicídio, que já eram investigadas, e a posterior morte de Emerson.

“Não descartamos a possibilidade de ele ter colocado fogo na casa, como ela afirma. Temos que analisar porque a Josiane também declara que era agredida”, explica o delegado.

Durante a tarde de terça-feira, a equipe do 2º Distrito Policial foi até a casa de Emerson para buscar evidências do caso. A Polícia Civil apreendeu, na residência, uma seringa e frascos de medicamentos. A investigação não descarta a possibilidade de um terceiro envolvido no caso.

Mulher negou participação em crime

De acordo com informações do delegado Marcus Sebastião, Emerson Liz da Silva e Josiane Camargo da Silva eram casados e, mesmo não morando juntos há algum tempo, não eram divorciados. Os dois teriam dois filhos juntos. Segundo o delegado responsável pelo caso, Emerson teria afirmado para os médicos em Londrina (para onde foi transferido) que Josiane havia queimado ele. No depoimento para a Polícia Civil, a mulher negou qualquer envolvimento na morte do ex-marido.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Post source : Do Portal A Rede

Related posts

Comentar: Ex-mulher é presa suspeita de envenenar marido com remédios, diz delegado

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

WhatsApp 596