Wednesday, 3 de March de 2021

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Exato um ano após morte de Isabelly, Justiça decide mandar acusado a júri popular

Exato um ano após morte de Isabelly, Justiça decide mandar acusado a júri popular
Photo Credit To (Foto: Reprodução/Facebook)
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Exato um ano após o crime, a Justiça de Pontal do Paraná decidiu levar o autor do disparo que matou a jovem Isabelly Cristine Santos, de 14 anos, a júri popular. A decisão foi publicada nesta quinta-feira (14), pelo juiz Ricardo Piovesan. O acusado, Everton Vargas, está preso desde a manhã seguinte ao crime, horas após a morte da vítima.

Conhecida no Litoral por seu canal no Youtube “Isa Top Show”, Isabelly teve morte cerebral confirmada após ser atingida na cabeça por um disparo de arma de fogo durante uma suposta briga de trânsito, na madrugada de 14 de fevereiro de 2018, na PR-412, próximo ao Balneário Shangrilá, em Pontal do Paraná. A defesa do suspeito afirma que o disparo foi dado após uma ameaça do motorista do carro em que a Youtuber se encontrava.

Cleverson Vargas, irmão de Everton, era o motorista do automóvel de onde teria partido o tiro. Ele permaneceu preso por dez meses por também ter sido acusado pela morte da jovem. Ele foi solto em dezembro do ano passado, por decisão da juíza Carolina Valiati da Rosa, que sugeriu que Cleverson não seja julgado pelo Júri Popular, mas sim pelo crime de embriaguez ao volante.

Na decisão desta quinta, Piovesan confirmou o desmembramento dos casos e Cleverson vai responder por crime previsto no código de trânsito.

Habeas Corpus
Mais cedo nesta quinta-feira, a Justiça negou habeas corpus a Everton. Claudio Dalledone Junior, advogado dos irmãos Vargas, lamentou a decisão da Justiça.”O desembargador negou, sustentando que o processo já está maduro para julgamento e seria mais conveniente o pronunciamento do juíz”, disse o representante. “Vamos recorrer ao STJ, buscar a liberdade e, mesmo assim, esperar que o juiz se pronuncie pela soltura de Everton”, acrescentou Dalledone.

Já a assistente da acusação e advogada da família de Isabelly, Thaise Mattar Assad, comemorou a recusa do habeas corpus e salientou que a decisão do desembargador foi ‘simbólica’. “Hoje faz um ano da morte da Isabelly e recebemos a notícia de que o Everton permanecerá preso e aguardará o julgamento preso”, relembrou Assad. “Estamos na expectativa de que o caso seja julgado por Júri Popular, já que essa é a única forma de que nós, da assistência da acusação, entendemos de que a justiça possa ser alcançada. Esse resultado é muito simbólico, a família está forte e com muita fé”, acrescentou a advogada.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Post source : Luiz Kozak, Felipe Ribeiro e Flávia Barros

Related posts

Comentar: Exato um ano após morte de Isabelly, Justiça decide mandar acusado a júri popular

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

WhatsApp 596