Saturday, 23 de January de 2021

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Paraná: Atirador invade escritório e mata advogado e funcionário

Paraná: Atirador invade escritório e mata advogado e funcionário
Photo Credit To (Foto: Colaboração)
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Um advogado de 40 anos, Domingos Zanuncini Junior, e o seu funcionário, 59, ainda não identificado, foram mortos a tiros no escritório de advocacia em que trabalhavam no bairro Pinheirinho, emCuritiba. O crime aconteceu na Linha Verde, no fim da manhã desta terça-feira (19).

Segundo a Polícia Militar (PM), o imóvel foi invadido por um homem armado com uma pistola, que atirou várias vezes contra as vítimas. “As testemunhas estavam bem nervosas, mas já descartaram a participação de algumas pessoas abordadas na cena do crime. O que sabemos, a princípio, é que um indivíduo efetuou de cinco a seis disparos no estabelecimento e fugiu”, disse o tenente Adam, que atendeu a ocorrência, em entrevista à imprenss.

De acordo com ele, informações repassadas no local dão conta de que o crime teria sido motivado por uma briga por causa de terras. “Tudo leva a crer que é uma situação referente à comercialização de terrenos, envolvendo o pai de uma das vítimas. Esse detalhe, no entanto, precisa ser apurado durante as investigações”, completou o tenente.

Bastante abalada e surpresa, a esposa do advogado afirmou que acompanhava de perto o trabalho do marido, e que ele não vinha sendo ameaçado. Além da mulher, Domingos deixou também um filho pequeno.

Os corpos das vítimas foram encaminhados ao Instituto Médico Legal de Curitiba e a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso.

Nota da OAB

Durante a tarde, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) emitiu uma nota sobre o crime. Leia na íntegra abaixo:

O advogado Domingos Zanuncini Júnior, 40 anos, foi executado a tiros em seu escritório no bairro Pinheirinho, em Curitiba no fim da manhã desta terça-feira (19). Um funcionário do escritório, cuja identidade ainda não foi levantada, também foi morto pelo atirador que invadiu o local. Zanuncini advogava desde 2015 e estava inscrito na OAB Paraná sob o número 77.821.

A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) apura as causas do crime. A perícia foi acompanhada pela delegada Camila Cecconello. Testemunhas relataram que não houve discussão entre o atirador e as vítimas. A esposa do advogado afirmou não saber de ameaças dirigidas ao marido.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Post source : Marina Sequinel e Djalma Malaquias

Related posts

Comentar: Paraná: Atirador invade escritório e mata advogado e funcionário

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

WhatsApp 596