sexta-feira, 23 de julho de 2021

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Paraná: Casal de idosos é morto a marretadas pelo próprio filho

Paraná: Casal de idosos é morto a marretadas pelo próprio filho
Crédito da foto Para Imagem ilustrativa google imagens
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Um crime brutal chocou os moradores de Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba, no fim da madrugada de segunda-feira (28). Um casal de idosos, um homem de 86 anos e uma mulher de 85, foram mortoscom golpes de marreta pelo próprio filho, de 56 anos.

O caso aconteceu na casa da família, localizada na Rua Luiz Garcia, no Jardim Graciosa. Parentes ouviram os gritos das vítimas, se depararam com a cena do crime e chamaram a polícia, que prendeu o suspeito em flagrante.

“Os dois foram encontrados mortos na cama, bastante machucados devidos aos golpes de marreta, principalmente na cabeça. Foi uma tragédia familiar. O filho estava muito atormentado e falou que teria assassinado os pais porque ouviu vozes que o mandaram fazer isso”, disse o superintendente Job de Freitas, da Polícia Civil, em entrevista à imprensa.

De acordo com ele, como o filho não estava em condições de prestar mais esclarecimentos, não há mais detalhes sobre o suspeito. Não se sabe, por exemplo, se ele sofre de algum problema de saúde mental. “O crime chocou justamente pela brutalidade com que o homem ‘obedeceu’ essas vozes. Os idosos não tiveram forças nem condições de reagir ao ataque”, completou.

Os corpos das vítimas foram recolhidos ao Instituto Médico Legal de Curitiba (IML) e a Polícia Civil segue com os trabalhos de investigação para a conclusão do inquérito.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Marina Sequinel e Antônio Nascimento

Notícias Relacionadas

Comentar: Paraná: Casal de idosos é morto a marretadas pelo próprio filho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596