segunda-feira, 23 de Abril de 2018

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Paraná: Polícia prende homem que fugiu 257 km de bicicleta após esquartejar vizinha

Paraná: Polícia prende homem que fugiu 257 km de bicicleta após esquartejar vizinha
Crédito da foto Para Local em que estava escondido o suspeito, às margens da 277 (Foto: Cidadão em Ação)
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Uma equipe da Polícia Civil de Paranaguá prendeu, no último domingo, um homem acusado de matar e esquartejar a vizinha – mãe de uma menina de 15 anos- no bairro Alexandra, em Paranaguá. O crime aconteceu em 6 de janeiro e o suspeito é investigado também por estuprar a adolescente, embora negue este crime.

Luiz Carlos Pereira foi encontrado em um barraco improvisado, às margens da BR 277, em Irati, nos Campos Gerais. Ele fugiu usando uma bicicleta que foi usada também para transportar o corpo da vítima até o matagal. O homem estava bastante cansado e já sem alimentos. Ele fugia desde o início de janeiro.

O delegado Nilson Diniz, da Delegacia de Paranaguá, contou que há dez dias foi expedido um mandado de prisão contra Luiz Carlos. Na noite de sábado, os policiais receberam informações sobre o possível paradeiro do acusado e, na manhã de domingo, o delegado e os policiais foram até o município de Irati, onde realizaram a prisão. A cidade de Irati fica à 257km de Paranaguá.

“Passamos a localizar as diligências e recebemos a informação da fuga dele e a região onde estaria escondido. Fomos até o ponto determinado e fizemos a abordagem depois de uma campana em uma região de vegetação densa. Foi abordado e capturado pelas nossas equipes”, descreveu Diniz à imprensa.

O suspeito ainda será ouvido oficialmente, mas de forma preliminar afirmou que matou porque havia sido agredido pela vítima, negando que teria estuprado a filha dela.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Luiz Henrique de Oliveira

Notícias Relacionadas

Comentar: Paraná: Polícia prende homem que fugiu 257 km de bicicleta após esquartejar vizinha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125