quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Polícia Civil desvenda roubo e prende assaltante

Polícia Civil desvenda roubo e prende assaltante
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Policiais civis da 38ª Delegacia Regional de Polícia, sob o comando do delegado Tristão Antônio Borborema de Carvalho, solucionaram um assalto ocorrido no início do mês de abril no bairro Vila Ribeiro e prenderam o assaltante.Trata-se de Marcos Pereira da Silva, o “Burquita” (foto), 36 anos.
Após a equipe elucidar a autoria do roubo, o delegado Tristão Borborema solicitou à Justiça a decretação da prisão provisória do autor que foi acolhida.
O mandado foi cumprido na tarde desta quarta-feira, 29, no bairro Álvaro de Abreu e não houve resistência.
Segundo a vítima, 24 anos, ela caminhava pela rua quando foi abordada pelo ladrão, mediante inúmeras ameaças, apoderando de seu aparelho telefônico celular marca Galaxy S4 de cor branca.
O autor segue preso na carceragem anexa à 38ª Delegacia Regional de Polícia à disposição da Justiça criminal.
A pena para o crime de roubo é de quatro a dez anos de reclusão.
Participaram das diligências os investigadores Rafael Moro, Célia Ricardo, André Facco e Ademar Gonçalves. Outras três buscas domiciliares autorizadas pela Justiça foram cumpridas pela equipe no mesmo contexto, mas não houve apreensão de drogas.
A Polícia Civil pede para que a população coopere com denúncias que auxilie na prisão de criminosos e apreensão de drogas e armas ilegais.
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: npdiario

Notícias Relacionadas

Comentar: Polícia Civil desvenda roubo e prende assaltante

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125