segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

A procura de um sinal de celular

A procura de um sinal de celular
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Estar num ponto dentro de uma cidade e não ter sinal de celular. Esta é a situação muitas pessoas por todo o Norte Pioneiro enfrentam diariamente. A reclamação não é exclusividade da região e já foi alvo de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) através da Assembleia Legislativa. Durante as investigações foi constatado que no Estado do Paraná são aproximadamente 2.900 aparelhos habilitados por torre instalada. “Um número muito alto”, apontava o relatório.
O morador Rafael de Oliveira do bairro Anita Moreira em Jacarezinho destaca que o sinal em alguns pontos é terrível. “Moramos próximo ao Instituto Federal e aonde vai ser o novo prédio da UENP. Em algumas ruas o celular simplesmente não tem sinal”, argumenta.
Durante a última semana a empresa Wendy Comunicações verificou que a situação é constante em várias cidades. Um exemplo é em Jaboti. No estacionamento da Prefeitura Municipal tem sinal de uma operadora, já na recepção não existe mais comunicação.

O caso é tão complicado que os vereadores de Santo Antônio da Platina propuseram uma ação contra a Operadora TIM. “É uma falta de respeito o que acontece em nossa região. A falta de sinal ou até mesmo a ligação ser interrompida no meio da conversa. É preciso uma ação concreta da empresa sobre este problema”, comentou o vereador Valdir Domingos, o Valdir do Foto. Ele ainda destaca que durante uma semana foram coletadas mais de três mil assinaturas para serem realizadas providências à Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL).
Em relação à situação de Santo Antônio da Platina o representante da empresa TIM no Estado do Paraná, Cleber Afânio, ressaltou, durante o mês de fevereiro, que até o meio deste ano será liberada a terceira antena da operadora na cidade, sendo um investimento de aproximadamente R$ 1 milhão. “Ela já está instalada no bairro Colorado e estamos realizando os ajustes finais. Temos a certeza que o sinal terá melhorias notáveis na cidade”, argumenta Cleber Afânio.

Em Ribeirão Claro a situação se torna um pouco mais confuso. O vereador Odair do Prado explicou que num distrito do município o sinal do Estado de São Paulo que é atendido. “É complicado. Pois as pessoas que moram naquela localidade precisam pagar outro tipo de tarifa. Eles falaram que irão estudar o problema e apontar uma solução. Além disto, também temos o Centro de Eventos que é menos de dois quilômetros no centro da cidade, em linha reta, e já não possui cobertura de sinal de telefonia móvel”, argumentou Odair do Prado durante aquela reunião.
Recentemente a empresa Wendy Comunicações teve acesso ao número de celulares habilitados por cidade e suas torres. As duas cidades pesquisadas na região ultrapassam o número paranaense. Em Jacarezinho são 37.096 aparelhos para seis torres instaladas pela cidade (2-OI/1-CLARO/2-TIM/1-VIVO) para uma média de 6.516. O caso mais preocupante é de Guapirama que são 7.900 aparelhos para apenas uma antena instalada.

Por Marcos Jr.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Notícias Relacionadas

Comentar: A procura de um sinal de celular

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125