segunda-feira, 19 de agosto de 2019

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Após ofender aluno negro, professora de Santo Antônio da Platina é indiciada por injúria racial, diz polícia

Após ofender aluno negro, professora de Santo Antônio da Platina é indiciada por injúria racial, diz polícia
Crédito da foto Para Imagem Ilustrativa google imagens
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Uma professora de biologia de um colégio estadual de Santo Antônio da Platina, no norte do Paraná, foi indiciada por injúria racial nesta sexta-feira (24). Segundo a Polícia Civil, durante um aula ministrada a uma turma do primeiro ano do Ensino Médio, a professora ofendeu um aluno negro, de 15 anos. O caso aconteceu no início de abril, e nesse período foram ouvidos alunos, o adolescente ofendido, a mãe dele e também a indiciada.

Em depoimento à polícia, a vítima e outros dois estudantes disseram que durante uma aula a indiciada falou a seguinte frase “você não tem direito de falar nada, você veio em um navio negreiro”.O delegado Rafael Guimarães, responsável pelo inquérito, relatou que a professora negou que tenha ofendida o aluno e disse que estava dando aula sobre as origens dos brasileiros.

O crime de injúria racial é quando uma pessoa ofende alguém em razão da raça, cor, etnia, religião ou condição da pessoa idosa ou com alguma deficiência física. A pena para esse tipo de crime pode ser de um a três anos de prisão mais multa.

O documento será enviado ao Ministério Público do Paraná (MP-PR).

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: FONTE: G1 PARANÁ

Notícias Relacionadas

Comentar: Após ofender aluno negro, professora de Santo Antônio da Platina é indiciada por injúria racial, diz polícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596