Sunday, 24 de January de 2021

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Comissão organizadora, polícia e bombeiros se reúnem para definir esquema de segurança para 19ª Fescafé

Comissão organizadora, polícia e bombeiros se reúnem para definir esquema de segurança para 19ª Fescafé
Photo Credit To Diógenes Gonçalves
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

A presidente da comissão organizadora da 19ª Fescafé, Cleide Maria Baggio Araújo, o secretário de Administração, Fabio de Lucca, o secretário de Agricultura, Benício Mareca se reuniram na manhã do dia 24 com representantes da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e comissão organizadora para definir detalhes envolvendo eventos que integram a festa.
 
Entre as alterações propostas para 2015 está a proibição de som automotivo durante a cavalgada, que acontece no dia 5 de julho, último dia do evento. O uso de sistemas de som pode assustar os animais que farão parte do evento e originar acidentes, além de atrapalhar os organizadores da cavalgada que utilizam o sistema de som oficial do evento.
 
Também será feito um alerta com sinalização e solicitações por parte da equipe de segurança para que motoristas não transitem nem estacionem veículos não autorizados no trajeto da cavalgada, em especial na rua Coronel Emílio Gomes, por onde devem passar centenas de cavaleiros e amazonas. Os motoristas que desobedecerem serão responsabilizados em caso de acidentes. Continuará vedada a utilização de bebida alcoólica aos participantes da cavalgada, tanto para condutores de automóveis quanto de animais, seguindo regulamentação utilizada em praticamente todos os eventos semelhantes há alguns anos.
 
Segundo o secretário de administração, Fabio de Lucca, as alterações têm o objetivo de prevenir acidentes e garantir a segurança e conforto dos participantes e do público que acompanhará o evento. “Estamos estudante a mudança do início da cavalgada, que acontecia no portal de acesso da cidade”, disse. “Provavelmente o local será mudado para o loteamento Eurides Baggio, onde os participantes se reunirão antes de iniciar o trajeto, para que o tráfego na entrada da cidade não seja prejudicado”, concluiu.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Post source : Diógenes Gonçalves

Related posts

Comentar: Comissão organizadora, polícia e bombeiros se reúnem para definir esquema de segurança para 19ª Fescafé

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

WhatsApp 596