sábado, 11 de julho de 2020

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Três jovens morrem após baterem carro contra ônibus em cruzamento com preferencial

Três jovens morrem após baterem carro contra ônibus em cruzamento com preferencial
Crédito da foto Para Golf ficou completamente destruído após o acidente (Foto: AN-Banda B)
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Uma grave acidente entre um ônibus e um carro deixou três jovens mortos por volta das 5h20 de domingo (12) no cruzamento da Rua Pero Vaz de Caminha com a Júlio Mendes, no bairro Tatuquara, em Curitiba. O Golf em que estavam as vítimas fatais, um homem e duas mulheres, ficou destruído após a forte colisão.

acidente dentro 1

Golf ficou completamente destruído após o acidente (Foto: AN-Banda B)

O subtenente Valentim, do Batalhão de Polícia de Trânsito da Polícia Militar, falou sobre a cena tétrica encontrada no local. “Foi uma verdadeira tragédia. Um ônibus da linha Pinheirinho/Santa Rita foi atingido pelo carro. O motorista do coletivo vinha pela preferencial e o Golf pela outra via pública”, disse em entrevista à imprensa

O motorista do coletivo, Antônio da Silva, lamentou que nada pôde fazer para evitar a tragédia. “Eu sai do ponto final, por volta das 5h15, e vinha descendo normal, como sempre faço. O carro apareceu do nada e em alta velocidade. Não tive como parar”, relatou o motorista, que conduzia o ônibus com a cobradora e cinco passageiros. Apenas a cobradora teve ferimentos leves e foi levada ao hospital.

Causas

Para o subtenente Valentim, a falta de visibilidade e a alta velocidade podem ser os fatores para o acidente. “Tem um canteiro no meio da pista com matagal e pode ser que o motorista do Golf não tenha visto  o ônibus e bateu direto contra ele”, explicou.

As vítimas fatais foram identificadas como: Ronald Pacheco Costa, de 27 anos, Ketlen Fernanda Costa, de 30, e Juliana Almeida Dias, de 23. Segundo o apurado pela imprensa no local, os amigos haviam saído durante a madrugada e Ronald pegou o Golf para levar Juliana para casa. Ao lado da irmã Ketlen e da amiga, houve o acidente que não deu menor chance de sobrevivência.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento

Notícias Relacionadas

Comentar: Três jovens morrem após baterem carro contra ônibus em cruzamento com preferencial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596