quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Em tom de desculpas, Francischini diz que imagens de ação da PM são terríveis e injustificáveis

Em tom de desculpas, Francischini diz que imagens de ação da PM são terríveis e injustificáveis
Crédito da foto Para G1
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Em tom de desculpas, o secretário de Segurança Pública (Sesp), Fernando Francishini, afirmou que não há justificativa para o que foi visto nas imagens da ação da Polícia Militar (PM) contra os professores durante o confronto no bairro Centro Cívico, na última quarta-feira (29), durante a votação na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) do projeto que prevê mudanças na ParanáPrevidência . Em entrevista coletiva, na manhã de hoje (4), Francischini afirmou que a ação policial será investigada para que os possíveis culpados, no caso do excesso ser confirmado, sejam punidos.

“Não tem justificativa para o que aconteceu. As imagens são terríveis e nada justificativa. Temos duas obrigações agora. A primeira é instaurar um inquérito com todo rigor necessário e, inclusive, a designação de um promotor de Justiça para acompanhar todos os atos deste inquérito policial. A segunda é que também temos que avaliar a atuação destes grupos radicais, que foram o grande estopim desse movimento policial”, disse Francischini.

Apesar de alegar não ter justificava para a ação da PM, a todo momento o secretário citou que houve ação de grupos radicais, como os black blocs. “Um dia antes tínhamos a informação do procurador geral comunicando que havia a informação de que haveria confronto. Demos a estrutura, que é a parte da Sesp, mas o planejamento é da PM e o resultado foi terrível, porque tornou-se um campo de guerra”, descreveu o secretário

Ainda durante a entrevista, Francischini comentou mudanças que podem acontecer no uso de armas não letais no Paraná. “O governador quer realizar mudanças na regulamentação do uso do armamento não letal depois do que aconteceu. O Beto Richa também pediu todo rigor no inquérito do caso para dar uma justifica à sociedade”, relatou.

Por fim, o secretário afirmou que, se preciso, vai nesta semana prestar depoimento na Comissão de Direitos Humanos do Senado, referente ao que aconteceu no Centro Cívico. “Não há nenhum problema se eu for chamado. Eu vou sem problemas. Tentamos tomar todas as medidas necessárias, mas infelizmente a ação aconteceu”, concluiu.

 

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Luiz Henrique de Oliveira e Djalma Malaquias

Notícias Relacionadas

Comentar: Em tom de desculpas, Francischini diz que imagens de ação da PM são terríveis e injustificáveis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125