terça-feira, 2 de junho de 2020

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Gerente dos Correios inventa assalto para encobrir golpe

Gerente dos Correios inventa assalto para encobrir golpe
Crédito da foto Para (foto: Divulgação/ PF)
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

A Polícia Federal prendeu uma gerente dos Correios no norte do Paraná na noite de segunda-feira (02/01). A suspeitam, que mora em Nossa Senhora das Graças, é acusada de inventar um assalto para esconder um golope de desvio de dinheiro. Além dela, uma outra mulher foi presa.

Segundo a polícia, as duas teriam inventado um assalto à agência dos Correios da cidade, afirmando terem sido feitas reféns por dois homens armados em uma moto e levadas até a agência para abrir o cofre. O prejuízo teria sido de R$ 90 mil.

O depoimento das duas suspeitas, contudo, apresentou divergências e os investigadores passarama suspeitar das mulheres. Na Justiça, conseguiram um mandado de busca e apreensão, encontrando R$ 37.500 em dinheiro com maços de notas com tiras com timbre do banco do Brasil na casa da gerente, além de notas novas de R$ 2 e R$ 5.

Al ?m disso, os policiais também encontraram o aparelho do circuito de monitoramente que, segundo a gerente, teria sido roubado durante o assalt, e apreenderam móveis e eletrodomésticos e um veículo comprado pelas duas suspeitas dias antes.

As suspeitas teriam confessado o crime e agora estão na sede da PF em Maringá. Elas responderão por peculato (desvio de dinheiro em função pública), falsa comunicação de crime e lavagem de dinheiro. Além disso, os Correios abriram um processo administrativo interno para apurar o caso.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Bem Paraná

Notícias Relacionadas

Comentar: Gerente dos Correios inventa assalto para encobrir golpe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596