terça-feira, 15 de outubro de 2019

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Juíza revoga portaria que proibia decotes e trajes curtos no Fórum

Juíza revoga portaria que proibia decotes e trajes curtos no Fórum
Crédito da foto Para Durante quase 60 dias, freqüentar o Fórum de Cambará só era possível com “trajes adequados” - Antônio da Picolli / Tribuna do Vale
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

A juíza e diretora do Fórum de Justiça de Cambará, Thais Terumi Oto voltou na sua decisão e resolveu revogar uma portaria sua assinada no dia 27 de janeiro deste ano em que proibia a entrada de pessoas que não estivessem “vestidas adequadamente”. A revogação foi assinada no dia 13 de março.

Durante os quase dois meses de vigência, a circulação de pessoas que não “estivessem vestidas com trajes incompatíveis com o decoro e a dignidade forenses” ficaram impedidas de freqüentar o local público. Entre as peças consideradas impróprias para o uso dentro do espaço judicial estavam os decotes profundos “a ponto de deixar mais da metade do colo dos seios visíveis”; roupas com transparência a ponto de permitir entrever-se partes do corpo ou de peças íntimas; blusas sem alça; que deixem a barriga, ou mais de um terço das costas desnudas; shorts (mesmo que conjugado de meias calças), saia que não cubra pelo menos dois terços das coxas; chapéu, gorro, boina ou boné. A medida também proibia os homens de usar camiseta regata; camiseta com gole “U” ou “V” que deixe mais da metade do tórax exposto; chapéu, gorro, boina ou boné.

A verificação das vestimentas dos usuários do fórum ficava sob a responsabilidade do funcionário de uma empresa terceirizada que faz a segurança patrimonial do fórum.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Dayse Miranda - Tribuna do Vale

Notícias Relacionadas

Comentar: Juíza revoga portaria que proibia decotes e trajes curtos no Fórum

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596