Friday, 18 de September de 2020

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Polícia Civil elucida série de furtos e recupera objetos‏

Polícia Civil elucida série de furtos e recupera objetos‏
Photo Credit To npdiario
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Policiais civis da 38ª Delegacia Regional de Polícia de Santo Antônio da Platina, em continuidade à “Operação Bandalhos” que destina ao desmantelamento de crimes patrimoniais na cidade, elucidaram uma série de furtos em estabelecimentos comerciais, identificando o autor e recuperando objetos subtraídos das vítimas.
Entre os dias 14 a 25 de agosto, três estabelecimentos comerciais situados no centro da cidade e uma residência foram alvos de furtos. O autor subtraiu uma série de objetos, em destaque para um tablet da marca Bak, de cor cinza (foto).
Com as investigações, os investigadores liderados pelo delegado Tristão Antônio Borborema de Carvalho chegaram ao nome do seu autor: Gabriel Marques da Silva(foto), de 19 anos. Com ele foram localizados os objetos furtados e devolvidos às vítimas.
Além dos quatro furtos em série, Gabriel ostenta passagens por vários furtos enquanto adolescente, o que levou ao delegado Tristão Borborema solicitar à Justiça a prisão preventiva, o que foi negado em razão de a legislação o considerar tecnicamente primário, fazendo com que responda criminalmente em liberdade as acusações. 
Se condenado, para cada furto, a pena é de quatro a oito anos de prisão.
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Post source : npdiario

Related posts

Comentar: Polícia Civil elucida série de furtos e recupera objetos‏

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

WhatsApp 596