quinta-feira, 23 de Janeiro de 2020

Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90
Cliente 728 x 90

Sobreviventes de execução em bar estão fora de perigo

Sobreviventes de execução em bar estão fora de perigo
Crédito da foto Para (Fotos: Thannillo Araújo/NP TV)
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Luíza Marques de Oliveira, de 49 anos, e sua neta de seis anos, sobreviventes dos disparos de arma de fogo que mataram o eletricista Aguinaldo Leite, de 28 anos, e o mecânico André Cirilo, de 23 anos, no início da noite de sexta-feira (6), em um bar no Jardim Santo André, em Santo Antônio da Platina, não correm risco de morte.

As vítimas passaram por cirurgia, e permanecem internadas no Hospital Nossa Senhora da Saúde sem previsão de alta médica. Conforme apurou a reportagem, a criança teria sido atingida de raspão em uma das pernas e a mulher na virilha. A assessoria da Casa de Saúde, no entanto, não confirmou as informações por não estar autorizada a repassar outras informações sobre estado de saúde das pacientes.

Luíza a neta estavam na calçada, quando dois homens em uma motocicleta pararam em frente ao bar que fica na rua Deputado Benedito Lúcio Machado e descarregaram as armas (provavelmente pistolas calibre 765, segundo a perícia).

De acordo com Instituto Médico Legal de Jacarezinho, Leite foi atingido por cinco disparos (um no tórax, dois na mão direita e outros dois no pulso direito) e morreu no local. Cirilo foi alvejado por apenas um tiro nas costas, e morreu ao dar entrada no Pronto-Socorro.

Segundo informações, o alvo dos criminosos seria o eletricista Aguinaldo Leite, conhecido na cidade por ‘Balaieiro’. O motivo da desavença, entretanto, ainda é desconhecido. A polícia já tem informações sobre a identidade de um dos suspeitos, porém até o momento ninguém foi preso.

Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125
Post Topo 747 x 125

Fonte do post: Luiz Guilherme Bannwart

Notícias Relacionadas

Comentar: Sobreviventes de execução em bar estão fora de perigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp 596